Sala de Imprensa

Face aos comentários que estão a ser feitos nas redes sociais em relação ao voo TM190, de ontem, Quinta-feira, dia 04/05/17, do percurso Maputo – Nampula, a LAM – Linhas Aéreas de Moçambique leva ao conhecimento do público que o mesmo foi reprogramado, no período da manhã, depois de se detectar uma avaria na aeronave.

A LAM – Linhas Aéreas de Moçambique informa que este domingo, 9 de Abril de 2017, registou problemas técnicos numa das suas aeronaves, por sinal a maior, a qual ainda está em reparação.

A LAM – Linhas Aéreas de Moçambique, S.A. informa ao público que devido à questões técnico operacionais alguns voos estão a ser realizados de forma condicionada, havendo reprogramações e nalguns casos cancelamentos.

As Linhas Aéreas de Moçambique – LAM inauguraram, recentemente, na rotunda em frente ao edifício sede, mais um símbolo de identidade visual: uma cauda do Boeing 737-200 (um modelo de aviões que a LAM operou por mais de 40 anos, entre 1969 e 2009).

A LAM abriu recentemente uma loja de venda em Xai-Xai, única cidade capital provincial que ainda não dispunha dos serviços da companhia de bandeira.

Na sequência da previsão de ocorrência de chuvas intensas acompanhadas de trovoadas e ventos fortes, a partir de Quarta-feira, 15/02/17, feita pelo Instituto Nacional de Meteorologia. 

A LAM – Linhas Aéreas de Moçambique, S.A. informa ao público que devido à necessidade de fazer assistência técnica não programada à duas aeronaves da sua frota, teve que reprogramar e nalguns casos, cancelar voos nos dias 5 e 6 de Fevereiro de 2017.

A LAM – Linhas Aéreas de Moçambique, S.A. Informa ao público que nenhuma aeronave da sua frota está retida no Aeroporto Oliver Thambo, em Joanesburgo, na África do Sul.